O CONJUVE

O CONJUVE é a plataforma oficial de representação juvenil do Brasil. Ele foi criado como órgão autônomo em 2005 pela Lei 11.129, e reúne algumas das principais organizações da sociedade civil e lideranças juvenis do país, além de representantes do Poder Público. Entre as suas atribuições está a de formular e propor diretrizes da ação governamental voltadas à promoção de políticas públicas de juventude, desenvolver estudos e pesquisas sobre a realidade socioeconômica dos jovens, articular, engajar e mobilizar redes e organizações juvenis, e promover o intercâmbio entre as organizações juvenis nacionais e internacionais. O CONJUVE ainda cumpre o importante papel de coordenar a Conferência Nacional de Juventude, que em sua última edição mobilizou 600.000 jovens de todo o Brasil, e a sua atuação foi determinante para a concretização de marcos históricos como a Emenda Constitucional 65 (que incluiu as juventudes na Constituição), o Decreto que instituiu o Sistema Nacional da Juventude e a aprovação da Lei do Estatuto da Juventude no Brasil.

barao.png

Marcus Barão

Presidente do Conselho Nacional da Juventude do Brasil 

"Todo o contexto da pandemia tem forte influência no processo de desenvolvimento da população jovem no Brasil. A situação é grave. Precisamos urgentemente de ações concretas, com real capacidade de promover mudanças, atendendo as demandas emergenciais e apresentando novas perspectivas. Por este motivo, o Conselho Nacional da Juventude do Brasil decidiu realizar essa nova edição do Programa Juventude Empreendedora. As juventudes são as propulsoras da sociedade. Então, quanto mais oportunidades tiverem e melhor preparadas elas forem, mais empolgante, diverso e justo será o presente e, consequentemente, o futuro."

gustavo.png

Gustavo Gama

Secretário Geral do Conselho Nacional da Juventude do Brasil

"Em todas as iniciativas, programas e posicionamentos do Conselho Nacional da Juventude do Brasil ao longo de nossa gestão, temos buscado a articulação com Gestores de Políticas Públicas de Juventude, Conselhos Estaduais e Municipais de Juventude, Organizações, Redes e Movimentos Juvenis, Juventudes Partidárias e Organizações da Sociedade Civil Organizada. Vivemos em um país de dimensões continentais e somente juntos podemos criar soluções que sejam capazes de atender às demandas das juventudes em todas as suas diversidades e em seus territórios. É dessa maneira que iremos executar, mais uma vez, o Juventude Empreendedora, e chegar em jovens de todo o Brasil."

anabeatriz.png

Ana Beatriz Cesa

Presidente da Comissão Especial de Inclusão Produtiva de Jovens do Conselho Nacional da Juventude do Brasil 

"Apesar de estudos apontarem que o Brasil ainda vive o bônus demográfico, perspectivas para as juventudes não são positivas e com isso, corremos o risco de perder o potencial de uma geração capaz de mudar a realidade social e  econômica do nosso país.  

Os dados alarmantes relacionados ao desemprego e baixo acesso à educação, se intensificam nos recortes de maior vulnerabilidade, o que nos mostra que é  urgente a necessidade de trabalharmos em conjunto, na busca de levarmos  novas perspectivas para essa geração. Por isso, atuar como agentes de transformação em rede e com atuação em projetos eficazes é essencial para mudarmos realidades."

MEMBROS

JUVENTUDE@2x.png